Rádio Cidade Mais HD

Entenda como foi feita a maior apreensão de ouro extraído de garimpo ilegal da história do Amazonas

Era início da tarde de sábado (9) quando uma equipe da Rocam recebeu a denúncia de um assalto em andamento em uma área de classe média alta, em Manaus. A corporação não imaginava que a ocorrência se tratava da maior apreensão de ouro extraído de garimpo ilegal da história do Amazonas.
A ação resultou na prisão de dois homens e nas apreensões de 47 kg de ouro, avaliados em R$ 15 milhões e grau de pureza superior a 90%, uma aeronave, dois carros, uma arma, munições e dinheiro em espécie. Veja abaixo um infográfico que mostra o caminho da carga de ouro antes da apreensão.
Apesar de toda abordagem ter sido feita pela equipe da Polícia Militar, o superintendente da Polícia Federal no Amazonas, Umberto Ramos, informou que os dois homens presos estavam sendo monitorados há um ano por envolvimento em uma quadrilha especializada na extração e venda de ouro ilegal da Amazônia.
A apreensão do carregamento de ouro ilegal ocorreu depois de um tiroteio entre dois veículos, na avenida Nilton Lins, na saída para avenida das Torres, na Zona Centro-Sul da capital. A gravação de uma câmera de segurança, que registrou o fato, marcava o horário de 12h30.
Segundo a PM, a carga de ouro era transportada em um carro modelo Gol, que foi atacado por um grupo armado que estava em automóvel modelo Doblò e tentou roubar o metal precioso durante o percurso.
As imagens mostram a Doblò interceptando o Gol, até que um homem sai e atira. A equipe da Rocam foi acionada em seguida, mas quando chegaram ao local, os atiradores já tinham fugido e abandonado o carro. Até a publicação desta matéria, nenhum dos suspeitos havia sido identificado ou preso.
Na busca feita no veículo Gol, a Rocam encontrou duas malas com as barras de ouro e mais alguns objetos. Dentro da Doblò foi achado uma pistola com a caixa de munição e outros pertences.
De acordo com a Polícia Federal, o avião de pequeno porte saiu de Itaituba, no Pará. Depois fez uma parada em Itacoatiara, na região metropolitana de Manaus. E pousou no Aeroclube do Amazonas, localizado no bairro Flores, na Zona Centro-Sul da capital. O horário do pouso não foi informado.
Ainda no sábado, depois da prisão dos dois suspeitos, a PF enviou agentes para o aeroclube, onde a aeronave usada no transporte das 42 barras de ouro foi apreendida. Do G1.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×

 

Olá!

Clique em um de nossos contatos abaixo para conversar no WhatsApp

× Participe!